13.6.17

Resenha | O clã das freiras assassinas: Perdão mortal - Robin Lafevers

Título: Perdão Mortal
Coleção: O Clã das Freiras Assassinas #01 | Autor(a): Robin Lafevers
Gênero: Literatura Estrangeira - Fantasia | Páginas:408
Editora: V&R Brasil | Comprar: Compare e Compre
Sinopse: Por que ser uma ovelha, quando você pode ser o lobo? Ismae Rienne, dezessete anos, escapa da brutalidade de um casamento arranjado no santuário do convento de São Mortain, onde as irmãs ainda servem deuses antigos. Lá ela aprende que o deus da Morte abençoou-a com perigosos dons e um violento destino. Se ela optar por ficar no convento, será treinada como uma assassina e servirá a Morte. Para reclamar sua nova vida, deve destruir a vida de outros. A mais importante atribuição de Ismae leva-a direto para o tribunal superior da Bretanha—onde se encontra terrivelmente sob preparada não só para os jogos mortais de intriga e traição, mas pelas impossíveis escolhas que deve fazer. Como entregar a vingança da Morte em cima de um alvo que, contra sua vontade, roubou seu coração?


Resenhas
Preciso dizer que o meu interesse pelo livro se deu por conta do nome da série: "O clã das freiras assassinas", e foi uma ótima surpresa, porque eu não sabia quase nada da série e, na época em que eu li, apenas o livro #01 tinha sido publicado no Brasil, a série me ganhou, e espero que ganhe vocês também.

A história se passa em uma França medieval,em meio a fatos históricos,com tramas e traições. E é nesse ambiente que se constrói a nossa heroína. Desde muito jovem, Ismae já sabe o que é o desprezo e a violência, pois até o seu nascimento foi uma tragédia, ela nasceu de um aborto fracassado, o que resultou em uma mancha assustadora na suas costas.Vítima de homens cruéis, consegue fugir e vai parar em um convento. Mas o que ela não imaginava é que esse convento não era do tipo convencional, mas sim o convento de Sainte Mortain, o deus da morte, onde as freiras que moravam ali o cultuavam e realizavam missões secretas em seu nome, e Ismae descobre que é uma das filhas de Mortain e que foi agraciada com um dom para servi-lo.
“Se você decidir ficar, você será treinada em suas artes. Vai aprender mais maneiras de matar um homem do que imaginou ser possível. Vamos treiná-la a ser furtiva e astuta e desenvolver todo tipo de habilidade que assegure que nenhum homem jamais volte a ser um ameaça para você.”
Então inicia-se o treinamento de Ismae, que passa a aprender a arte de matar, assim como os segredos da sedução. Após, os anos de treinamento ela é enviada para as missões, mas uma em especial muda completamente o rumo da nova vida da nossa assassina.

Ela conhece o nobre jovem Durval, e sua missão é se aproximar dele, passar-se por sua amante na corte para que consiga proteger seu disfarce e garantir a segurança da duquesa. Porém, os sentimentos de Ismae começam a traí-la e ela, pela primeira vez, começa a se apaixonar por um homem.

E de repente tudo que estava encaixado parece desencaixar, deixando Ismae confusa e até mesmo fazendo -a questionar as ordens do convento.

Embora o romance se desenvolva lentamente, e a narrativa não seja a mais fácil de ler, a primeira história da trilogia fascina com tudo o que contém, a começar pela personagem que possuí uma certa insegurança, mas consegue tomar as decisões certas, mudando o rumo dos acontecimentos.

14 comentários

  1. Nossa que demais essa capa
    Eu não Conhecia esse livro mais já quero ler, adoro histórias o de as mulheres são heroínas. Bjs e sucesso

    ResponderExcluir
  2. Nossa como eu achei interessante a trama do livro. Fiquei até curioso para ler.

    ResponderExcluir
  3. Oiii tudo bem?
    Menina eu amei essa título, cheguei ficar mais animada que o normal para ler a sua resenha, com toda certeza seria uma ótima pedida ainda mais com o tempo abordado, gostei muito da aventura!
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  4. Olá,

    Eu acredito que a narrativa não seja muito fácil nesse livro justamente por ser o primeiro da trilogia, precisa-se ter uma "explicação" sobre a história. Tenho muita vontade em fazer essa leitura, li coisas incríveis sobre e estou muito interessada. Essa premissa me parece muito com o seriado Reign (que eu amo!) e isso só me empolgou mais para lê-lo logo.

    Beijos,
    entreoculoselivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. A capa desse livro é maravilhosa. Eu até tenho curiosidade, mas no momento minha pilha de livros para ler está enorme, vou deixar para depois.
    Beijos
    Mari
    www.pequenosretalhos.com

    ResponderExcluir
  6. Olha, eu adorei o enredo do livro e a capa, mas o título da série achei muito estranho, ao contrário de você, não curti não, mas a história parece ser beeeem legal =)

    ResponderExcluir
  7. Uow! Não sabia nada a respeito da série, apesar de já ter visto os livros por aí. Gostei muito da forma como apresentou a obra, dá vontade de ler mesmo! Quem sabe num futuro próximo?
    Bjoooo

    ResponderExcluir
  8. Adorei o nome da Série e a capa também está linda! Parece daquelas histórias que vc começa a ler e não quer mais parar!!!! Dica mais que anotada!!

    bjs
    www.livrosdabeta.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  9. Se você soubesse como desejo ler esta trilogia. Quando soube dela fiquei louca pelo enredo, e lendo sua resenha, este desejo só foi reforçado.
    Bjs Rose

    ResponderExcluir
  10. Olá, tudo bem? Juro que achou lenta no início? Gosto de história que temos uma introdução total da história, e por isso me apaixonei de primeira na trilogia. Gosto muito da ambientação e de tudo que ocorre. Quem bom que leu e gostou <3 Ótima resenha!
    Beijos,
    https://diariasleituras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Olá!
    Não li a série, mas já ouvi falar, confesso que já tive vontade de ler, mas com o tempo foi se dissipando, talvez, mais pra frente. Por que a narrativa não é tão fácil de ler? fiquei curiosa com isso.

    ResponderExcluir
  12. Olá, tudo bem?
    Nunca ouvi falar dessa serie e apesar de sua resenha bastante instigante a obra não me prendeu a atenção, Sou mais do tipo romance clichê sabe? Mas para os amantes do genero é uma ótima dica.
    Beijos

    ResponderExcluir
  13. Oie,
    Já tinha ouvido falar dos outros livros e não me interessei, principalmente pelo título. Sou muito católica e entendo que é apenas uma história, mas não conseguiria ler e imaginar esse livo de uma forma confortável, justamente por falar de freiras que são assassinas.
    Beijos
    Blog Relicário de Papel

    ResponderExcluir
  14. Mas gente, que premissa mais diferentona! Gostei da sinopse e do fato de se passar na França medieval.
    Vou procurar saber mais sobre a obra.
    Bjsss

    ResponderExcluir

Muito obrigada pela visita, espero que tenha gostado!
Opiniões, sugestões, críticas... fiquem a vontade.❤❤

Design e Desenvolvimento por: Adorável Design