22.4.17

Resenha | Para Sempre Minha - Abbi Glines

Título: Para Sempre Minha
Título Original: Forever Mine
Coleção: Rosemary Beach #9 |  Autor(a): Abbi Glines
Gênero: Literatura Estrangeira - New Adult, Romance
Páginas: 256 | Editora: Arqueiro 
Avaliação: 
Sinopse: Alguns dos jovens de Rosemary Beach consideram Tripp Newark um herói. Há oito anos, ele abandonou uma vida meticulosamente planejada pelos pais para conquistar a independência. Pilotando sua Harley, Tripp desapareceu da cidade para viajar pelo mundo. E essa decisão o fez perder muito mais do que os milhões que herdaria. Bethy Lowry está vivendo o pior momento de sua vida. Há um ano e meio, Jace, seu namorado, morreu afogado ao salvá-la de uma forte correnteza. Sofrendo um período turbulento e ainda consumida pela culpa, ela vive sua rotina de maneira automática, com a certeza de que nunca mais voltará a amar. No entanto, sua vida está prestes a mudar. Quando tinha apenas 16 anos, Bethy teve um tórrido romance com Tripp, que é primo de Jace. Esse segredo continuaria enterrado para sempre se não fosse por um detalhe: Tripp Newark está de volta e determinado a reconquistá-la.
Na série Perfeição, você conheceu o anjo da guarda de Della e sentiu a dor da perda de Bethy. Agora, Abbi Glines reúne esse surpreendente casal para mostrar que nunca é tarde demais para reviver uma paixão.
Resenha
No nono livro da série Rosemary Beach, iremos conhecer melhor a história de Bethy e Tripp. Já conhecemos os dois desde os livros anteriores. Na sub-série Perfeição, Tripp foi um grande amigo para Della. Inclusive, foi graças a ele que ela foi para Romemary, onde conheceu Woods. Já Bethy, conhecemos desde a primeira sub-série, Sem Limites. E, também na sub-série Perfeição, sentimos junto com ela a dor da perda de Jace.

Contudo, a história dos dois começa bem antes disso. Foi há oito anos:

Eles eram ainda bem novos quando se apaixonaram. Era o primeiro verdadeiro amor um do outro. Porém, os pais de Tripp queriam que ele se tornasse alguém que ele não era, e seguisse uma vida que eles haviam roteirizado. Por isso, em sua Harley, Tripp abandona Rosemary. Deixando para trás Bethy e uma milionária herança. (Obs: Bethy sabia que Tripp pretendia ir embora.) Como ela só tinha 16 anos na época, ele não podia levá-la, então, planejou voltar para ela assim que fosse maior de idade.
“Abandoná-la mudou minha vida. No momento em que eu subi na minha moto e saí de Rosemary Beach, deixei para traz a verdadeira felicidade. Passei apenas um verão Bethy, três meses que me mudaram para sempre. E eu também mudei a vida dela, de uma forma pela qual nunca vou me perdoar.”
Contudo, as coisas acabaram não acontecendo como Tripp imaginou. Bethy passou por algo terrível enquanto ele estava fugindo. Ele não estava por perto para ajudá-la e dar apoio, e foi aí que a perdeu.
“Você deixa destruição por onde passa. Não consigo aguentar perder mais nada.”
Anos depois, Bethy se apaixonou outra vez... Tripp voltou a Rosemary e encontrou Bethy com seu primo, Jace. Mas como os dois estavam felizes, ele achou melhor não interferir e deixar tudo como estava. Pois, afinal, ele a queria feliz. 

Entretanto, novamente algo os despedaçou. Ao tentar salvar Bethy, Jace se afogou nas águas do Golfo e eles o perderam.

A morte de Jace deixou todos tristes, mas após ver Bethy totalmente quebrada, vivendo nas sombras por mais de um ano, Tripp percebe que está na hora de tentar reconquistá-la. Dessa vez, ele estava presente e disposto a ajudá-la. 
____________________________

Abbi Glines mais uma vez aumenta meu amor pela série!
“Cansei de fugir. Não há nada para mim em nenhum outro lugar. O que eu quero está em Rosemary Beach.” 
Em Para Sempre Minha, desde o início torcemos pelo casal e pela recuperação de Bethy. 

Sempre tive um enorme carinho pelos protagonistas da vez. Desde Paixão Sem Limites eu admiro a personalidade forte de Bethy. Mas a Bethy desse livro está bem diferente. Ela deixou de ser aquela garota dona de um ótimo humor, o que despedaça o leitor que esta acostumado com a divertida jovem que ela era antes de perder Jace. Porém, com isso, também vem o desejo de vê-la feliz.
“Linda, você na minha cama todas as noites é exatamente a vida que eu quero. Eu tenho desejado isso desde os 18 anos. Não preciso me certificar de coisa alguma.”
Tripp foi um anjo para Della em Simples Perfeição, o que foi uma ótima sacada da autora, pois é impossível não amá-lo depois de tudo que ele fez por ela. Por isso, assim que ele ressurge, e é revelado para o leitor o passado dele e de Bethy, de cara torcemos pelos dois. 
“Serei qualquer coisa que ela precise que eu seja.”
Em Para Sempre Minha, acontecera o casamento de Della e Woods. Ou seja, todos estão juntos e em festa. E... O que é melhor para os fãs que acompanham a série que vê-los todos juntos?! É uma maravilha! Esse é sempre um ponto positivo. A força da amizade é sempre destacada em Rosemary Beach. Bem que, a essa altura do campeonato, todos tornaram-se uma família. Embora todos estejam criando sua própria família, todos são uma só. Eles se importam e fazem o que for para ver o outro bem.
“Porque ser amada por Tripp mudava a pessoa.”
O amadurecimento dos personagem é algo que continua sendo bastante perceptível. Rush e Grant são pais incríveis, assim como Harlow e Blaire são mães maravilhosas. Sempre perto, amando, brincando, sem deixar de lado a boa educação.

E as crianças. Ahhhh! Crianças em livros sempre deixam o leitor derretido. Estou errada? 

Imagine então se forem crianças que você “viu” nascerem (e serem feitas, haha). 

A escrita da Abbi continua ótima! Muito leve e envolvente. Mesmo, assim como os outros, Para Sempre Minha ser recheado de clichê, a leitura não é maçante, muito pelo contrário, é apaixonante.
“Você me aterrorizava porque eu sempre amaria mais você.”
O livro também conta com capítulos narrados 8 anos atrás, quando Bethy e Tripp se conheceram, para apresentar a história dos dois, porém, o mais interessante, pelo menos para mim, foi ver os nossos garotos antes de se tornarem “homens de família”. Chega a ser divertido! Muito bom também foi ver o quanto eles amadureceram e se tornaram pessoas bem melhores.
“Agora podemos apenas estar um com o outro? Sem rótulos. Só nós dois?”
Da série, essa é a única história que possui apenas um único livro. Até porque, a história deles já se passou anos atrás, nesse livro acompanhamos o desfecho dessa história. Falando em desfecho, isso foi o que senti falta no livro. Faltou a intensidade apaixonante típica da série! Ainda assim, foi uma leitura válida e agradável, alias, é Rosemary Beach! ❤

Sequencia Rosemary Beach

Sem Limites (Rush e Blaire): Paixão Sem Limites #1
Perfeição (Woods e Della): Estranha Perfeição #1
Chances (Grant e Harlow): A Primeira Chance #1
Mais uma Chace #2

(Bethy e Tripp) Para Sempre Minha [Livro único]

(Mase e Reese): À Sua Espera #1

29 comentários

  1. Oiii Catrine, tudo bem?
    Infelizmente dessa vez a obra não despertou meu interesse, eu sou apaixonada por essas capas apenas, mas o enredo em si não me cativa tanto quanto eu gostaria.
    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que pena, Morgs! Espero que as próximas indicações despertem seu interesse. :) Já eu, não gosto nada dessas capas. kkkkkkk

      Excluir
  2. Olá, tudo bem?
    Ah meu senhor, eu li a sua resenha muito por cima, pois fiquei com receio de pegar spoiler.
    Quero muito concluir essa série, mas ainda falta alguns, :(
    Um beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que conclua com muita satisfação! ❤

      Excluir
  3. Oi, Catrine!
    Faz um tempinho que parei de ler essa série, mas quero muito retomar.
    Gosto da maneira como a Abi escreve. É realmente bem leve e apaixonante.
    Acho muito fofo quando os autores colocam crianças na história. Sempre dá para dar umas boas risadas. rsrs...
    Beijão!
    http://www.lagarota.com.br/
    http://www.asmeninasqueleemlivros.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amooo a escrita da Abbi! ❤
      Realmente, dão um toque de fofura maravilhoso.

      Excluir
  4. Oi! Mesmo não conhecendo a série tentei ler por cima pra não ter spoiler rsrs Achei bem legal a premissa e se um dia tiver a oportunidade farei a leitura com certeza. Parece ser bem emocionante e acho legal​ quando uma história vai se desenvolvendo depois de bastante tempo. Dica anotada!

    ResponderExcluir
  5. Oi Catrine!

    Tudo bem? Eu já vi algumas resenhas dos livros da Abbi e inclusive li alguns livros faz alguns anos, mas depois do terceiro livro (que deu origem a sei lá quantos mil spin off!) eu desisti porque a história tinha se tornado mais um clichê chato, então mesmo vendo várias pessoas elogiando as histórias da Abbi não animo a reler.

    Bom, sobre Para Sempre Minha é interessante que este seja um livro único e que tenhamos a narração no presente e no passado, ajuda a contextualizar melhor a história dos dois. E pelo visto você gosta muito do casal, o que é ótimo pois ajuda a história a se tornar ainda mais interessante.

    Beijinhos - Jessie
    www.paraisoliterario.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OOi!
      Tudo e com você?
      Que pena que isso acabou fazendo com que você desistisse.
      Não da para esconder, amo esses personagens. hahaha

      Excluir
  6. Oii Catrine, tudo bem? Amei a resenha <3 Eu parei de ler a serie no livro A Primeira Chance, pois fiquei bem decepcionada com o mesmo e acabei não tendo muito animo para continuar no momento, mas provavelmente farei isso futuramente pois simplesmente amo esse universo da Abbi, e quero muito ler sobre o romance de Bethy e do Tripp.
    Super beijo!
    http://umaleitoravoraz.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ooi! Bem e você?
      Que bom que gostou! ❤
      Meninaa, não para por causa de A Primeira Chance. Ele é muito chatooo, mas a continuação, Mais Uma Chance, recuperou todo meu amor pelo casal, é o mais emocionante da série. kkkkkk

      Excluir
  7. Oi Cat
    Achei a capa super envolvente rsrsrsrsr e a história parece ser empolgante também, porém como a minha TBR está crescendo loucamente vou deixar essa dica para um outro momento... bjuuuu flor!

    ResponderExcluir
  8. Ahhh já estou seguindo o blog, espero que você siga o nosso também para podermos continuar trocando dicas literárias ;)

    http://thehouseofstorie.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Oi, tudo bem?
    Eu já desisti de entender a cronologia dos livros dessa autora, são muitos hahaha.
    Eu tenho muitos problemas com livros desse gênero... Juro que já tentei, mas não fluiu, como eu já esperava. Acho que não são para mim, então, mesmo tendo sido uma leitura agradável e válida para você, acho que não daria certo comigo no momento :/


    ourbravenewblog.weebly.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. No começo é meio confuso mesmo. hahah Mas depois o leitor pega a ordem certinha.
      Se mesmo após tentar não deu certo é questão de gosto mesmo. É assim mesmo, funciona pra alguns mas para outros não. :)

      Excluir
  10. Oi, Catrine!
    Gostei muito do seu texto, dá p ver que você e apaixonou pela coleção e que adorou mais esse livro! Ainda não tive oportunidade de conhecer a escrita da Abi e, confesso, tenho medo de gostar porque é livro pra caramba! Quando eu estiver mais disposta a apostar em romances, lerei! Beijo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou! ❤
      hahaaha Leia! se gostar, já era. ão tem como abandonar.

      Excluir
  11. Oii, tudo bem?
    Eu só tive a oportunidade de ler os três primeiros livros dessa série, e devo dizer que me apaixonei pelo Rush. Eu tenho muita vontade de ler o outros livros, mas são tantos que até fico perdida kk. Eu fico feliz que a autora não tenha perdido e mão e que continue com a escrita fluida.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como não se apaixonar? haha Rush ❤
      Pesquisa a ordem certinha e segue reto. Vale a pena!

      Excluir
  12. Sou apaixonada pela série e pela Abbi, mas ainda não consegui ler esse livro. Até comecei, mas com outros sempre furando a fila fui deixando para depois. Acho que não me sentia bem para ver a Beth despedaçada, sabe? Porque a morte do Jace me pegou de jeito, mesmo gostando do Tripp e tal. Acho que foi por eu não estar esperando algo assim quando aconteceu...
    Fiquei feliz em saber que vemos todos juntos - adoro os garotos e poder ver todos novamente é tão bom... Melhor ainda em poder perceber como eles estão amadurecendo. E concordo, crianças sempre encantam!!!!
    Beijinhos,
    Lica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OOi!
      Eu também me senti muitooo mal com a morte do Jace, e mesmo amando o Tripp no comente tive um pouco de receio. Mas depois passou. haha

      Excluir
  13. Boa noite, Catrine! Tudo bom?
    Então, eu sempre quis ler essa série da autora, e todas sub séries, preciso apenas comprar os livros e entender por onde começar. Nunca li nada dela, mas leio tantos elogios que sinto que vou gostar bastante da leitura. Aliás, acho que irei começar por esse livro único para ver melhor o que eu acho da escrita e personagens. Adorei a resenha.
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OOi!
      Pesquisa a cronologia e vai lendo. Espero que goste ❤ A Abbi é maravilhosaa!

      Excluir
  14. Olá, tudo bem?

    Apesar de todo mundo super indicar os livros da Abbi, mas confesso que não consigo me interessar por eles, não sei explicar o motivo. Deu pra perceber que vc é super fã, muito legal isso. Valeu a indicação. XD

    Beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bota fã nisso! haha desde o primeiro livro!

      Excluir
  15. Conheço a serie, por ter vários títulos disponíveis, mas ainda não consegui me interessar, nao sei como será futuramente, mas por agora, não sei de nada da série.

    Beijos

    Viviana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. São mesmo váaarios! haha Mas amo todos. quem sabe em um outro momento.. :)

      Excluir

Muito obrigada pela visita, espero que tenha gostado!
Opiniões, sugestões, críticas... fiquem a vontade.❤❤

Design e Desenvolvimento por: Adorável Design